Foto; Divulgação

Se identificando como namorada do chargista Marco Antônio Rosa Borges, de 54 anos, mulher identificada como Clarice Silvestre, confessou à polícia no município de São Gabriel do Oeste, a 140 quilômetros da Capital, ter assassinado o chargista.

Segundo apurado a mulher se apresentou a policiais militares, chorando.

Clarice, que é massagista e a pessoa com quem a vítima teria saído de casa, na manhã do último sábado (21), para se encontrar, confessou ter matado Marco a facadas. Em seguida, afirma ter esquartejado e colocado fogo no corpo da vítima.

Ao confessar, a mulher revelou ainda o local onde o corpo, dividido em três malas, foi jogado, no Jardim Corcovado, região sul da Capital.

Ainda segundo apurado pela reportagem, a suspeita disse ainda que, após cometer o crime, se dirigiu a casa de seu filho, em Campo Grande, tendo viajado posteriormente para Coxim, a 260 quilômetros da Capital, para se despedir de suas filhas. Para se entregar, a mulher decidiu procurar a polícia da cidade vizinha, São Gabriel do Oeste.

Ainda segundo ela, antes de cometer o crime, os dois haviam discutido.

Em Campo Grande, equipe da DEH (Delegacia Especializada de Repressão aos Crimes de Homicídios) já foi notificada e seguiu para São Gabriel para buscar a assassina confessa. A reportagem apurou que resquícios de cadáver foram localizados no endereço indicado pela suspeita. Fonte CAMPO GRANDE NEWS