O prefeito de Figueirão, Juvenal Consolaro, usou as redes sociais para dizer que esteve em reunião com o Secretário de Saúde, Geraldo Resende e que o encontro revelou o estado alarmante que se encontra Mato Grosso do Sul apesar do empenho do governo no combate ao coronavírus.
Segundo o prefeito, na reunião ele viu um homem lutando pela saúde do estado, preocupado com a falta de leitos para salvar as vidas e que os dados divulgados sobre a ocupação de UTIs no estado é alarmante.
“Não temos mais leitos para acudir as pessoas. Por isso população, vamos nos preocupar. Vamos nos comportar para que da melhor forma possível, com menos dor, possamos superar esses momentos difíceis”
O prefeito disse que durante a madrugada esteve visitando a Unidade de Saúde de Figueirão para dar apoio ao trabalho dos profissionais de saúde e aqueles que estão em tratamento contra a doença.
“Hoje de madrugada, perdi o sono e fui até o hospital da nossa cidade. Lá encontrei pessoas cansadas, mas de prontidão aguardando situações adversas. Ali, fiz a minha torcida pela recuperação. Assim, faço um apelo: vamos nos recolher, vamos nos comportar e porque só assim vamos conseguir ganhar essa batalha juntos”, disse o prefeito Juvenal.
Mato Grosso do Sul contabilizou até essa sexta-feira (4), um total de 297 mil contaminados, com 264 mil recuperados e 6976 mortes.